Fortaleza | Lisboa | Sintra | Cabo da Roca | Cascais | Estoril | Fátima | Batalha | Alcobaça | Óbidos | Évora | Lisboa | Fortaleza

1º DIA – Lisboa

Vista de Lisboa

 

Chegada ao Aeroporto Internacional de Lisboa, após os tramites de imigração, encontro com nossa equipe local, seguimos para nossa primeira atividade em terras lusitanas, vamos em direção ao OCEANÁRIO DE LISBOA de Lisboa, visita ao Parque das Nações e a EXPO 98, depois seguimos em direção ao HOTEL DOM CARLOS – 3*** ou similar, restante do dia livre para descanso e adaptação ao fuso horário.A noite seguimos em direção ao Mercado da Ribeira para jantar e conhecer um dos lugares mais típicos de Lisboa.

3º DIA – Lisboa

Baixa Pombalina

 

Dia inteiro dedicado a conhecer a cidade de Lisboa, capital e a cidade mais importante do país. Lisboa é a capital e a maior cidade de Portugal. A Baixa Pombalina é o “coração” da capital. Foi edificada sobre as ruínas da antiga cidade de Lisboa, destruída pelo grande Terremoto de 1755. A sua edificação obedeceu a um rigoroso plano urbanístico, segundo um modelo reticular de rua/quarteirão, obedecendo à filosofia do iluminismo.A reedificação da baixa de Lisboa após o terremoto constituiu o primeiro caso de construção tipificada, normalizada e em “série” da humanidade. Os seus autores foram Manuel da Maia e Eugênio dos Santos e a decisão política deve-se ao Marquês de Pombal, ministro d’El Rei D. José I. A Baixa é também a maior zona comercial da cidade de Lisboa. Nas proximidades e com interesse histórico são ainda a Praça dos Restauradores e o Elevador de Santa Justa, projetado em finais do século XIX por Mesnier du Ponsard, suposto discípulo de Eiffel. Na baixa também se localiza a Praça do Comércio, também conhecida como Terreiro do Paço, o Rossio, ou Praça Dom Pedro V, Chiado, o Convento do Carmo e a Praça dos Restauradores Alfama é um dos bairros mais típicos de Lisboa, com sua arquitetura típica cidade árabe e medieval com ruas estreitas, sendo um dos poucos sítios de Lisboa que sobreviveu ao Terremoto de Lisboa de 1755.É em Alfama que se encontram a maioria das casas de Fado, onde se pode desfrutar de vários espetáculos ao vivo. Em Alfama, distinguem-se o Castelo de São Jorge, na colina mais alta do centro da cidade, a Sé de Lisboa, o Panteão Nacional e a Feira da Ladra e o Miradouro de Santa Luzia. O Bairro Alto é um bairro típico de Lisboa, situado no centro da cidade, acima da baixa pombalina. É uma zona de comércio, entretenimento e habitacional.Atualmente, o Bairro Alto é um lugar de “reunião” entre os jovens da cidade, e uma das principais zonas de divertimento noturno da capital. Aqui se concentram tribos urbanas, que possuem os seus lugares de reunião próprios. O fado, ainda sobrevive nas noites do bairro. As pessoas que visitam o Bairro Alto durante a noite são uma miscelânea de locais e de turistas. Junto à zona ribeirinha do Tejo, a poente do centro da cidade encontra-se Belém, representante da cidade da época dos Descobrimentos. Podemos ver nesta zona duas construções classificadas pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade: o Mosteiro dos Jerônimos, mandado construir pelo Rei D. Manuel I em 1501 e o melhor exemplo do denominado Estilo Manuelino, cuja inspiração provém dos descobrimentos, estando também associado ao estilo gótico e algumas influências renascentistas. O mosteiro custou o equivalente a 70 kg de ouro por ano, suportados pelo comércio de especiarias. Os restos mortais de Luís Vaz de Camões, autor de Os Lusíadas, repousam no Mosteiro, e também o grande descobridor Vasco da Gama. Muito perto do Mosteiro dos Jerônimos, encontra-se a Torre de Belém, construção militar de vigia na barra do Tejo, o grande ex-líbris da cidade de Lisboa e uma preciosidade arquitetônica.Para, além disto, no Belém se localiza o Padrão dos Descobrimentos, o Palácio de Belém, residência oficial do Presidente da República, o Museu Nacional dos Coches, a Igreja da Memória e o Centro Cultural de Belém, jantar no RESTAURANTE A VALENCIANA, noite livre.

4º DIA – Lisboa / Sintra / Cascais / Estoril

Sintra

 

Café da manhã no hotel, saímos para um passeio de dia inteiro a cidade de Sintra. Saindo de Lisboa, partimos em direção ao imponente e romântico Palácio da Pena situado num dos picos mais altos do Parque Natural da Serra de Sintra.O Palácio possui uma mistura de estilos que lhe dá um aspecto inconfundível. Ao final da manhã, tempo livre para passear pelas ruas da vila de Sintra que encantou Reis e inspirou poetas e poder apreciar as variadas lojas de artesanato, salas de chá e saborear os famosos doces locais – queijadas e travesseiros.Depois seguimos até o Cabo da Roca, ponto mais ocidental da Europa continental. Passamos ainda pela praia do Guincho, frequentada por adeptos de windsurf, e pela Boca do Inferno, desfrutando a paisagem ao longo da costa.

Vista de Cascais

 

Vamos até à cosmopolita Cascais com uma magnífica vista sobre a baía e regressamos a Lisboa pela Costa do Estoril donde podemos teremos uma panorâmica do Casino e dos seus jardins. A noite seguimos para o jantar com fados.O Fado é um estilo musical português. Geralmente é cantado por uma só pessoa (fadista) e acompanhado por guitarra clássica (denominada viola) e guitarra portuguesa. A palavra fado vem do latim “fatum”, ou seja, “destino” Uma explicação popular para a origem do fado de Lisboa remete para os cânticos dos Mouros, que permaneceram no bairro da Mouraria, na cidade de Lisboa após a reconquista Cristã. A dolência e a melancolia, tão comuns no Fado, teriam sido herdadas daqueles cantos.No entanto, tal explicação é ingênua de uma perspectiva etnomusicológica. Não existem registos do fado até ao início do século XIX, nem era conhecido no Algarve, último reduto dos árabes em Portugal, nem na Andaluzia onde os árabes permaneceram até aos finais do século XV. O fadista canta o sofrimento, a saudade de tempos passados, a saudade de um amor perdido, a tragédia, a desgraça, a sina e o destino, a dor, amor e ciúme, a noite, as sombras, os amores, a cidade, as misérias da vida, critica a sociedade.O fado de Lisboa que é hoje conhecido mundialmente pode ser (e é muitas vezes) acompanhado por violino, violoncelo e até por orquestra, mas não dispensa a sonoridade da guitarra portuguesa, de que houve e ainda há excelentes executantes.A noite jantar no GUITARRAS DE LISBOA acompanhado do autentico FADO, após o jantar deslocamento até o hotel.

5º DIA – Lisboa / Fátima / Batalha / Alcobaça / Óbidos / Lisboa

 

Saída pela manhã em direção a cidade de Fátima, distante cerca de 90 km, vamos visitar o centro de peregrinação famoso no mundo inteiro.Nossa Senhora de Fátima é uma das designações atribuídas à Virgem Maria que, segundo a Igreja Católica, teria aparecido repetidamente a três pastores, crianças na altura das aparições, no lugar de Fátima, tendo a primeira aparição acontecido no dia 13 de Maio de 1917. Estas aparições teriam continuado durante seis meses seguidos, sempre no mesmo dia.O nosso primeiro ponto de visita é o Santuário onde se encontra a Basílica com os túmulos de Jacinta, Francisco e Lúcia, assim como Capela das Aparições, coração do Santuário, depois seguimos para a cidade de Batalha, distante cerca de 30km, aonde encontra-se o Mosteiro de Santa Maria da Vitória (mais conhecido como Mosteiro da Batalha), foi mandado edificar em 1386 por D. João I de Portuga como agradecimento à Virgem Maria pela vitória na Batalha de Aljubarrota. Este mosteiro dominicano foi construído ao longo de dois séculos até cerca de 1563, durante o reinado de sete reis de Portugal, embora desde 1388 já ali vivessem os primeiros dominicanos.Exemplo da arquitetura gótica tardia portuguesa, ou estilo manuelino, é considerado patrimônio mundial pela UNESCO, e em 7 de Julho de 2007 foi eleito como uma das sete maravilhas de Portugal.Depois seguimos em direção a Alcobaça, distante cerca de 24 km. Aonde vamos conhecer o Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça, também conhecido como Real Abadia de Santa Maria de Alcobaça ou mais simplesmente como Mosteiro de Alcobaça, é a primeira obra plenamente gótica erguida em solo português. Foi começado em 1178 pelos monges de Cister. Em 1834 os monges foram forçados a abandonar o mosteiro, na sequência do decreto de supressão de todas as ordens religiosas de Portugal, promulgado por Joaquim António de Aguiar, ministro dos negócios eclesiásticos e da justiça do governo da regência de D. Pedro, Duque de Bragança, depois seguimos para a cidade de Óbidos, distante cerca de 42 km. A cidade conhecida pela sua muralha e castelo, ergue-se na cota de 79 metros acima do nível do mar, com planta no formato retangular irregular (orgânica), misturando elementos dos estilos românico, gótico, manuelino e barroco, distribuídos por duas zonas principais: a do castelejo (atual Pousada do Castelo, ou Pousada de Óbidos) e o bairro intra-muros. O perímetro das muralhas, reforçadas por torres de planta quadrada e cilíndrica, alcança 1.565 metros, totalmente percorrido por um adarve defendido por parapeito ameado.Em alguns trechos, as muralhas elevam-se a 13 metros de altura. O troço este da muralha constitui o núcleo do muralhamento mais amplo que envolve o castelo e a vila, e que, prolongando-se por ambos os lados em direção ao sul por 500 metros, fecha o perímetro em ponta, na chamada Torre do Facho. O acesso é feito por quatro portas e dois postigos, destacando-se a Porta da Vila ou Porta de Nossa Senhora da Piedade, encimada por uma inscrição, ali colocada pelo rei D. João IV (1640-1656), e que reza: A Virgem Nossa Senhora foi concebida sem pecado original. No seu interior encontra-se uma capela com varanda, revestida de azulejos do século XVIII, jantar no RESTAURANTE A VALENCIANA, noite livre.

6º DIA – Lisboa / Évora / Santarém / Lisboa

Évora

Saída após café da manhã seguindo em direção sul de Portugal, vamos visitar a cidade de Évora, declarada Patrimônio da Humanidade com suas ruas brancas, seus palácios renascentistas e sua catedral, visita ao impressionante Capela dos Ossos, construída com 5.000 esqueletos humanos.À tarde seguimos de volta a Lisboa com destino ao shopping COLOMBO, considerado o maior shopping da Europa, tempo livre para compras.

7º DIA – Lisboa / Fortaleza

Manhã livre em Lisboa, à tarde check OUT hotel e transfer para o Aeroporto Internacional de Lisboa, embarque para retorno ao Brasil.FIM DE NOSSOS SERVIÇOS.

  • Aéreo FOR / LIS – LIS / FOR com direito a 1 mala de até 23kg
  • Taxas de embarque internacional
  • 06 noites de alojamento e café da manhã em hotel 3***, Lisboa;
  • Todos os jantares inclusos com bebida (água e vinho);
  • Show de Fado com jantar incluso em Lisboa;
  • Acompanhamento de guia nos principais atrativos;
  • Ingresso para o Palácio da Pena em Sintra;
  • Ingresso para o Mosteiro da Batalha;
  • Ingresso para a Capela dos Ossos em Évora;
  • Ingresso para o Oceanário de Lisboa;
  • Seguro viagem Internacional;
  • Kit Personal Travel;
  • Acompanhamento de Tour Leader Personal Travel.
  • Quaisquer eventuais gastos pessoais;
  • Passeios extras não descriminados no roteiro;
  • Bebidas e gorjetas não mencionadas no programa.
  • Lugares sujeitos a disponibilidade. Preços não validos para alta temporada;
  • Nos dias livres terá o veiculo à sua disposição para fazer passeios que desejar entre as 08:00 horas e as 20:00 horas e para um máximo de 250 km dia.
  • Tarifas e condições sujeitas à alteração sem aviso prévio;
  • Só a emissão garante o preço.

Solicite mais informações

Preencha o formoulário abaixo que entraremos em contato.